Subscribe

RSS Feed (xml)

Powered By

Skin Design:
Free Blogger Skins

Powered by Blogger

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

POESIA NO UGANDA E RETICÊNCIAS














já aqui falei um pouco sobre adereços na poesia, figuras de estilo, etc. mas o assunto das reticências é delicado e é coisa que na minha criação nunca uso. de qualquer forma, chegou-me hoje por e-mail, enviado por um amigo, uma notícia sobre uma poeta do Uganda, de nome Beverly Nambozo Nsengiyunva, e que num dos poemas que li era feito um uso das reticências muito cuidado, efectivamente dando ao poema alguma força, contrariamente ao que muitas vezes acontece.


SOFT TONIGHT

I feel so...
... soft...
tonight...

I feel like...
...butter...
under the sun...

...on hot stone...
spreading out...
melting...

...flowing...
a yellow rivulet...
sliding down that slab...

...towards you...

I hope you catch every
t...r...i...c...k...l...e...of love
I hope you catch every
d.......r......o......p......of me
when I d...r...i...p...intoyourpalms

'cause I feel so...
...soft...
tonight.

Beverly Nambozo Nsengiyunva

1 comentário:

  1. Gostei das reticências,achei que estão trazendo
    expressão...
    Gostei.

    Beijos

    ResponderEliminar